O QUE VIZINHOS DA TERRA NÃO É

  • Comunidade intencional
    O objectivo não é a criação de comunidades intencionais. A ideia é, antes, ajudar a criar vizinhanças constituídas por pessoas respeitadoras do meio ambiente e que vivem autonomamente na sua propriedade, partilhando e respeitando a proximidade e as fronteiras de cada um, livres de dar suporte e ajuda no desenvolvimento de cada projecto individual e trabalhando em sinergia com o fim de regenerar a terra. É também, obviamente, uma comunidade, pois existe uma unidade comum. Qualquer comunidade intencional que tenha “cuidar da terra” como um dos seus valores centrais, é encorajada a participar.
  • Movimento Okupa
    Não se trata de um movimento Okupa, ou seja, a oportunidade especulativa de ocupação de terras ou a acção agressiva de aquisição de terras. Todas as acções são baseadas no respeito, pelo que o primeiro passo, em relação a terrenos disponíveis, deve ser sempre o de localizar e abordar o legítimo proprietário, indagando sobre as possibilidades, explicando honestamente o que se pretende e chegando a um acordo, que pode também passar pela proposta de uma solução criativa. Se não for possível localizar o proprietário, deve-se então proceder com cuidado e sensibilidade em relação a questões legais (em vigor). A comunicação e a cooperação com vilas vizinhas são encorajadas, pois estas fazem parte da rede de apoio que ajuda a realizar este processo.
  • Reocupar (Reoccupy)?
    Se a palavra “reocupar” surgir no contexto de Vizinhos da Terra, significará apenas “ocupar novamente”. Qualquer conotação associada ao movimento “Ocupar” é simplesmente um jogo de palavras. As pessoas que “cuidam da terra” querem investir a sua energia na terra e trabalhar com forças naturais (reais), e não no protesto contra forças ilusórias. Assumem a responsabilidade por si próprios e pelo que criam. É apenas de uma questão de foco. Focam-se no que é preciso fazer e não no que é preciso fazer desaparecer.
  • É activismo?
    O que é Ativismo?
    A resposta é sim E não! Talvez a questão mais importante seja “Sobre o que é que se está a actuar?” Se o activismo verdadeiro tem a ver com actuar do coração tendo a inspiração como guia, então sim, isto é activismo. Trata-se de fazer o que se sente paixão em fazer. Se tem AMOR pela terra, então este pode ser o caminho que o vai ajudar a fechar o círculo.
  • Promoção Imobiliária
    Este não é um site de promoção imobiliária. Podem no entanto haver projectos em que os terrenos vizinhos estão na carteira de um mediador imobiliário. Esta situação é meramente casual. Mas acordos em segredo com mediadores imobiliários são fortemente desaconselhados. Não existem objecções a que as pessoas beneficiem de uma troca, mas pede-se que seja baseada num sistema de troca ético, transparente e mutuamente justo. De momento, não há custos envolvidos no registo de projectos. Pretende-se que assim se mantenha, mas se o site oferecer uma ajuda significativa a alguém, então pede-se que considerem a forma como este site está a ser apoiado e a possibilidade de oferecerem algo em troca. Cada um deverá julgar por si próprio o que considera justo.

Tem mais ideias? Partilhe-as.


Voltar atrás